sexta-feira, janeiro 23, 2009

Regras são regras....

...mas estarei eu a ser demasiado exigente com eles?
Esta é a pergunta que me vem á ideia !
Normalmente acho que não.Até porque eles precisam de bons alicerces para crescer em segurança e quanto mais assertivos formos na sua educação melhor será!

Mas depois há dias em que fico na duvida...ou melhor fico a vacilar ...
Ontem, por exemplo o Eduardo mentiu, uma coisa sem importancia mas mentiu!
E ele sabe, porque já foram tantas as conversas sobre este assunto, que nao deve mentir-nos!
Ele estava a mastigar no quarto e eu perguntei se estava a comer, a regra lá em casa é que nao se come nos quartos!Ele respondeu que nao!
Mas como me apercebi que ía mastigando dissimuladamente pedi para abrir a boca e ele desatou a rir!POr momentos achei que estava a brincar depois percebi que estava mesmo a comer cereais que trazia no bolso do roupão!!!!!!!!!
Fiquei possessa!Pelos cereais no bolso, e pela mentira!
-Vais para a cama a seguir ao jantar!
A seguir ao jantar e enquanto arrumavamos a cozinha pediu se podia ler um bocadinho!O pai deixou!Quando terminámos, mandei-o lavar os dentes porque eu ía deitá-lo e aqui fui confrontada!
-Oh mãe mas porque é que eu tenho que me ir deitar mais cedo?
-Porque me mentiste!
-Oh mãe deixa lá! E começou a sentar-se no colo do pai!
-Não, Eduardo vais para a cama, pensar no que disseste e porque me mentiste!
Fui deitá-lo, sem grandes conversas!
Ele percebeu que eu estava triste com ele!
Sei que nao foi nada de grave mas eu tenho que confiar nele!E assim é dificil!Tenho sempre que confirmar o que ele diz!
...espero que seja uma fase!

Bom fim de semana

9 comentários:

Carla disse...

Bom fim de semana...sabes eu também sou um bocado assim e há realmente coisas que deixam louca e a mentira mesmo que inocente ou provocatória, é uma delas!
Ele ainda é um menino e é uma fase de certeza, vais ver que passa!
Mais em descargo de consciencia aho que teria feito exactamente o mesmo que tu fizeste...Beijinho grande!

Rita Costa disse...

Concordo plenamente contigo... como mãe e como psicóloga.

Acho que fizeste bem!

Beijinhos

Isa disse...

Concordo contigo, a Carolina às vezes também se sai assim com umas mentiras e nós temos logo o cuidado de a chamar à atenção e se necessário aplicar castigo. Se permitirmos que este tipo de situações se tormem hábito nunca mais conseguimos confiar neles.
Beijinho e bom fiam de semana.

Eu disse...

sim, deve ser uma fase!

Claudia Capela disse...

É com certeza uma fase, mas ele tem que saber que é errado mentir...
beijinhos

Sónia e MI disse...

Eu acho que pelo facto da minha mãe ter sido muito permissiva, a minha opinião sobre como devemos aplicar castigos não é das melhores.
Nunca fui castigada, e fez-me sempre muita confusão o confronto de ideias pelo castigo. Compreendo-te , mas acho que as crianças teem o seu tempo, e para saber que mentir é errado, há que saber primeiro o que é mentir, depois claro, compete aos pais explicarem q está errado.No entanto e na minha opinião, somos por vezes demasiado exigentes com os mais pequenos, até porque como adultos, sabemos perfeitamente que tb uma vez ou outra escondemos a verdade, omitimos os sentimentos, para não magoar o outro, ou a nós... Onde quero chegar é que a meu ver, seria mais importante saber o motivo que o levou a mentir, do que castigá-lo porque mentiu... Acho que se não me deixassem comer no quarto em pequena, também teria mentido...o quarto é um espaço onde tudo deveria ser permitido a uma criança.

Desculpa se vou contra os teus ideiais, mas é a minha opinião sincera, se dissesse que concordava estaria a mentir ;))

beijos grandes!

Silvia disse...

Eu não sou mãe ainda e por isso mesmo não vou estar aqui a dar ideias a quem já tem muito mais experiência que eu. Acho que se o modo como os educas é o que resulta para ti e para eles então é de certeza o mais correcto. Cada família tem a sua dinâmica e se foi essa a que escolheste para ti então acho que fazes bem em seres firme ao mantê-la :) Muitos beijinhos!

Maria José disse...

Secalhar pode ser uma fase, mas isto de educar é para mim cada vez maos dificil não sei quando estou a agir bem ou mal
mas acho que reagiste muito bem
bjokas

Ana Luísa disse...

Eu acho que cada família sabe de si e das suas regras e dinâmicas, sendo que sem regras as crianças sentem-se "desnorteadas" e inseguras.
Acho que agiste bem e quanto ao mentir pode ser da idade (entrada na pré adolescência) ou receio de algo. Tu falas com o Duda, creio que este episódio é normal no dia á dia de quem tem filhos...
Só quem está no convento sabe o que lá vai dentro e se vocês funcionam assim, assim terá de ser!
Beijos.