sexta-feira, maio 30, 2014

Ainda da mudança...

Conversámos com ele, muito. Tentámos perceber os argumentos, que não são argumentos - porque quero - não é argumento válido, parece-me! Argumentámos nós e mostrámos os prós e os contras e ele sempre no mesmo registo. Quer mudar de área. Tem que andar 2 anos para trás... É que há 5meses atrás ele também queria com muita força "Artes e Espectáculos" e depois passou-lhe... Agora quer Humanidades para ir para Direito ou Jornalismo... E remata assim, eu até fiz um teste de Português, e tive 12, sobre os Maias e só li resumos, não li o livro todo! (Antes de mais folgo em saber que não leu o livro todo, depois pedi-lhe que se ouvisse a ele proprio!) M-E-D-O!

quinta-feira, maio 29, 2014

Ai os abraços...

Ontem fui colocar o Holter - hoje já vou tirá-lo. Quando cheguei a casa mostrei à malta o que tinha comigo e pedi-lhes algum cuidado - leia-se não se atirarem à maluca, literalmente, para cima de mim. A unica coisa que não posso fazer nestas 24 horas é "TOMAR BANHO" - o que me deixa logo à partida em stress, adiante, tomei banho "à gato" pela manhã, e peronto! Mas ontem à semelhança de outros dias a minha filha Madalena acabadinha de tomar banho e toda encharcada, queria porque queria dar-me um abracinho, e eu a explicar que nao podia porque podia molhar o aparelho e ela desata num pranto que só visto! Eu a dizer que a abraçava depois de a secar, e ela a chorar com çágrimas grossas a roalrem pela cara, enfim...lá a limpei e depois sentei-a ao meu colo, expliquei de novo que nao podia molhar o aparelho porque se podia estragar...e bla bla bla... Hora de deitar: deitei-me mais cedo do que o normal, porque queri mesmo descansar, eles assim que me advinharam na cama, saltitaram todos até ao meu quarto, primeiro a Margarida, pé ante pé- Mãe posso ficar um cadinho contigo? - Podes, mas só um bocadinho. Ouço passos, era a Madalena - Oh mãe se ela fica eu também posso - e ficou. Por último e mais barulhento veio o Tomás - MÃE, NÃO É JUSTO, AS MENINAS ESTÃO AQUI E EU ESTOU SOZINHO NO MEU QUARTO - e deitou-se. Como eu tinha que registar a hora a que me tinha deitado, tive que chamar o pai para voltar a deitá-los nas respectivas camas...4 VEZEEEEESSSS!!!!

quarta-feira, maio 28, 2014

da adolescência...

Ele está no 11º ano. Com negativa a matemática. Queria ser médico - neurocirurgião. Isto muito antes do 10º ano. Como já referi a Sónia Morais Santos (http://coconafralda.clix.pt/) fez-lhe um convite há uns anos e até o levou a entrevistar o Prof. Lobo Antunes. Ele veio maravilhado. E confesso que achei que era o que queria mesmo. No primeiro teste de biologia do 10º ano, teve 19 valores - pensei, pronto, era mesmo isto que este miudo queria. Errado. Começou com problemas a matemática - tramada - começou com explicações e mesmo assim nada! Sempre 9! Este ano idem. Esta semana, disse-nos que queria mudar de curso - Direito, como a mãe! Muitas conversas - já quis Musica, ou Artes e Espetáculos (viemos a percerber que era por causa de uma "namorada"), agora quer Direito e a jutificação foi - que gosta mais, e que " só de me levantar de manhã e saber que não vou ter matemática é um alívio!" A agora?! Fazemos o quê? (Queria um livro de instruções, se faz favorê!)

terça-feira, maio 27, 2014

quinta-feira, maio 22, 2014

Franja e manicure!

Ontem ao fim do dia, elas estavam numa de ficar na sala a ver tv. Eu a querer arrancá-las para o banho. Depois de muita resistência, disse-lhes: meninas querem cortar a franja? - SIIIMMM!!!E pintar as unhas! Pronto. Seja! Correu lindamente!

quarta-feira, maio 21, 2014

terça-feira, maio 20, 2014

Não sei se ria ou se chore...se calhar tinha-lhe dado uma palmada!

No domingo à tarde, o Tomás deu uma queda aparatosa de bicicleta, da qual resultaram algumas escoriações e um grande susto. Ontem, ficou avisado que não ía para a rua ao fim do dia, porque estava frio e as "feridas" tinham que cicatrizar mais um bocadinho... Amuou na sala. Chamei-o três vezes para tomar banho e nada. Fui ter com ele, e perguntei se estava zangado. Resposta: - "És chata, má,e feia!" - Achas mesmo? - perguntei eu a olhá-lo calmamente. E ele cedeu, amoleceu - Não! Mas tu não me deixas brincar na rua! ...é isto, uma pessoa é enxovalhada sem necessidade! :)

quinta-feira, maio 15, 2014

Dia da Familia

Falo da minha. Uma familia numerosa.Julgam-nos loucos, insanos por querermos ter filhos. Os filhos.Pois que dão trabalho, levam-nos tempo de conforto em frente à TV, ou em viagens fantásticas que podiamos fazer, mas a logistica nem sempre o permite. Obrigam-nos a fazer contas e a reorçamentar o orçamento doméstico.Fazem barulho, afastam-nos de alguns amigos ( se calhar não era assim tão amigos), fazem birras e gritam, outras vezes cantam e brincam e falam alto e parece que a nossa casa é um desassossego constante. Quando se calam preocupamo-nos. É a escola e as notas e os testes e os resultados. É a roupa, e a roupa de ginastica e a mochila da natação, e as explicações.São as escolhas matinais dos tótós que nao combinam ou que combinam e da fita mais os tótós, qual árvore de natal enfeitada, são as pulseiras e os fios. As mochilas para sair de casa e os casacos e os horários e a chegada a casa com tantas novidades para contar e as vozes que se atropelam da luta para falar primeiro. As concessões que fazemos enquanto casal e pais de uma familia numerosa, e só temos quatro! É o amor que nos une.É o amor que nos move. Somos um porto de obrigo. São os beijos e os sorrisos e os abraços demorados que nos enchem a alma e o coração. A todas as familias : Uma excelente caminhada!

quarta-feira, maio 14, 2014

Para compensar a sobremesa de ontem, hoje aulinha de TRX - estou que nem posso. (imagem da net)

terça-feira, maio 13, 2014

Gula

Almocei com a minha comadre, que é como se fosse minha irmã. E pecámos em grande!

Berra-me baixo...

Aderi ao Berra-me Baixo - a propósito, é fantástico ler este blogue http://mumstheboss.blogspot.pt/ e todas as dicas e conselhos que podemos e devemos por em pratica. Tenho tentado, até porque tenho um tom de voz já para o alto e por isso tento sempre falar mais baixo, meso que muitas vezes me distraia...mas uma coisa é falar um bocadinho mais alto, outra é gritar com os miudos. E quando me salta a tampa...lá vai grito. Por isto decidi, aderir a este "programa". E ontem à noite falhei muito.A seguir ao jantar, a Margarida queria cereiais com leite de soja ( os meus filhos comem quase em non stop)e eu disse que quando eu terminasse de arrumar a cozinha lhe dava os cereais. Acabou por ser o pai a fazer os cereais antes de ir levar o lixo, com o aviso prévio que comia na sala de jantar e não ía para a sala de estar, onde estavam os irmãos. Ela sentou-se e começou a comer. Descansei.Acabei a cozinha e quando estava a limpar o chão, espreitei a sala de jantar e já lá não estava, imediatamente ouço: - Mãeeeeee, a Maragarida sujou-se e entornou leite no chão...oh pá!contei até 10...lá fui eu limpá-la e limpar o chão e perguntei o que lhe tinhamos dito. Enquanto levei a taça para a cozinha e voltei à sala, tinha a caixinha das pulseiras delas das missangas aberta e ja montes de missangas espalhadas na sala...ui - POR FAVOR, MENINOS VAMOS PARAR, SIM?! PODEMO SENTAR UM BOCADINHO TRANQUILAMENTE!? Eles ficaram a olhar para mim - eu parei.E pensei - que raio, mas para que foi isto?! Se tivesse falado normalmente era bem melhor ...apanhámos as missangas do chão, guardámos a caixa, e decidimos o que queriam ver na tv...juntos.

sexta-feira, maio 09, 2014

Nova moda : pulseiras de elásticos...é vê-las já espalhadas lá por casa!

quinta-feira, maio 08, 2014

Da adolescência..

Ontem o pai lá de casa enviou-me uma mensagem para o tm com a fotografia de um iogurte no chão da sala de estar, mesmo junto ao sofá e com uma legenda " O Duda esteve cá em casa!" - :) É isto!

quarta-feira, maio 07, 2014

A minha filha Madalena no dia da mãe disse-me : - Quando crescer quero ser como tu! :) (sim, chorei!)

segunda-feira, maio 05, 2014

A culpa...

Há uns anos o meu filho mais velho foi entrevistado pela Sonia Morais Santos - e participou num programa de rádio absolutamente fantástico. Depois a Sónia fez-lhe uma surpresa boa e convidou-o a entrevistar o Lobo Antunes - por esta altura o meu filho queria ser neurocirurgião - agora passou-lhe essa vontade. E assim aconteceu. Vi a Sónia duas vezes. Falámos outras tantas pelo telefone, mas, e há sempre um mas, gostei mesmo dela. Aqui há dias ela mandou-me um mail, a saber de mim - uma querida. Depois mandei-lhe eu um mail por outras questões... Por questões profissionais e não só não consegui ir ao lançamento do seu "maí novo" - Que aconselho a todas as mães...
40 anos! Fiz na sexta feira 40 anos! Dizem-me que entrei nos "entas"...ok! :)