quarta-feira, maio 11, 2011

Principes encantados / casamentos perfeitos!



Em jeito de brincadeira posso dizer que principes havia dois...um casou com a Branca de Neve e outro com a Cinderela...três, o último casou com a Kate!

E perfeito, perfeito, só Deus!


E tudo isto porquê? Perguntarão vocês, amigas que me lêem.

Pois bem, quem fala comigo via msn às vezes lá vai dizendo que eu tenho uma familia fantastica e maravilhosa blá blá blá...e hoje falo mais profundamente sobre isso mesmo.


Primeiro, não é de bom tom, por exemplo colocar aqui uma discussão conjugal...seriam só disparates.

E depois porque o que devemos ter em consideração são os bons momentos e aprender com os menos bons, certo?

Então, é assim, eu tenho de facto uma familia nuclear fantástica e maravilhosa, mas de salientar que nem tudo são rosas.Isto é: também ralho com os meus filhos, também levam palmadas quando merecem, também grito com eles, às vezes mais do que gostaria, também ficam de castigo....depois vem o reverso, vem a calma e o mimo e mais um beijinho ou mais uma historia na hora de deitar para compensar.

Não damos brinquedos para compensar, damos mimo e atenção, ou brincamos mais com eles, ou saimos mais com eles.

Agora como somos uma familia numerosa, naturalmente há mais regras, e havendo mais regras há sem dúvida mais tentativas de furar as regras...e o nosso papel enquanto pais é impor as regras e explicar o porquê das mesmas...e eles entendem e mesmo assim ás vezes tentam furá-las, e depois há sempre um deles que chama à atenção.

Por exemplo: Não podem comer na sala de estar. Quando chegam da escola, e antes dos banhos tentam sempre comer uma bolachinha.Até aqui tudo ok. O senão é que nao querem ficar na cozinha a comer e fogem para a sala de estar. Eu expliquei que deixam migalhas e fica tudo sujo. Agora a Madalena pergunta se pode levar a bolacha com um prato...:D ou seja dou-lhe responsabilidade de ter juizo quando come a bolacha na sala para nao fazer migalhas. Se isto é exagero? Não sei. Mas na nossa casa funciona. E como sou eu que limpo....eu é que sei oq ue é melhor!

Depois também me dizem muitas vezes que de manhã na minha casa deve ser uma loucura.

Não é. É uma manhã como na casa de pessoas que so têm um filho. Basta instalar as rotinas que eles habituam-se. Até porque o Tomás e a Madalena já se vestem sozinhos. E fazem as camas deles 80% das vezes...:P

E temos um filho em plena pre adolescência. Se é fácil? Huuuum...não!

O gajo está teimoso, e desarrumado, e todos os dias nos ouve...mas é mesmo assim. Depois pede desulpa e vem dar abraços e mimos, e beijinhos. Ele é mesmo assim um doce...mesmo na pré-adolescência. E é o que mais tenta furar as regras...

Eles crescem e nos crescemos enquanto pais e enquanto pessoas também.


E nós:

Ah, nós também nos zangamos e discutimos e dizemos coisas menos bonitas, e eu amuo e choro porque sou "maria sensivel" e sou teimosinha e ele também é...e tudo e tudo!

E depois conversamos.

E abraçamo-nos e dizemos que nos amamos e sentimos que somos amados apesar de todas as discussões que possam haver.O nosso amor tem alicerces nos nossos corações e por isso estamos de mãos dadas nesta caminhada da vida.

Normalmente é nesta fase que entram os miudos e se colocam no meio de nós e querem colo e brincadeira! LOL:P

Se somos uma familia feliz. Acho que sim.

Se são precisas muitas cedências e doses de paciência extra...tenho a certeza que sim.

Se fico às vezes sem paciência e reclamo, sim, e depois reconheço que devo bater com a mão na boca e agradecer a Deus.

Tenho dito!

10 comentários:

Paula disse...

e onde entra ai a primeira parte (a dos princepes??)

aqui em casa minha rica amiga é tal e qual sem tirar nem por ...a de não comer na sala nem no carro etc etc etc
eheheh
grande beijoca

Estrela do Mar disse...

Minha querida adorei este post.

Conheço-vos pessoalmente e sei que são uma familia maravilhosa e verdadeira... e isto é o mais importante :)

Beijo a todos

Mãe(q.b.) ao quadrado disse...

Ora nem mais, eu gosto de te ler por isso mm, pq sei q n és perfeita e a tua vida nem sempre é um mar de rosas... és verdadeira e isso é q interessa :)

osmeuspestinhas disse...

disso do comer sou tal e qual adoro ler o seu cantinho embora comentar ..ups
bjs

http://osmeuspestinhas.blogs.sapo.pt

ROSINHA (tilida5ever design) disse...

Olha eu 'só' tenho três...

Luna disse...

Cada vez gosto mais de te ler.
bjos
Luna

Sandra disse...

Um texto tão verdadeiro! :)
Ninguém é perfeito mas o importante é saber ultrapassar as dificuldades e ter bons alicerces!

Beijo

HOPE disse...

Ou seja, uma família normal, certo Carla? Pelo menos como eu entendo que uma família deve ser :)

Cá em casa também não se comem bolachas na sala, cada um faz a sua cama nem que eu tenha de ir dar um jeito a seguir sem eles verem...

Cá em casa também há muitas regras que às vezes são questionadas, também há gritos, amuos, conversas, discussões, riso, choro, beijos, palmas, gargalhadas, mimo, repentes, abraços, AMOR...

Tudo normal portanto :)

Bjnh

Isa disse...

É verdade, adorei tudo o que disse pois identifiquei-me bastante apesar de só ter uma filha.

Beijokas

susy disse...

Olha que espectáculo de post, dá logo vontade de ter mais filhos mesmo que seja com os prós e contras.

Felicidades e muita saúde é tudo o que vos desejo.

Tens uma familia linda :)

Beijos